segunda-feira, 24 de maio de 2010

Aventuras de uma concessionária Ford ...

No dia 06 de Maio, coloquei no blog fotos da Concessionária Ford Guido Cé em Encantado-RS . Aquelas fotos da fachada e show-room eu já achei espetaculares, mas logo depois, o Navarro Heitor Zonta enviou mais essas fotos que conseguiu junto a seu amigo Hamilcar Cé.

Essas imagens de hoje vem a complementar aquelas do outro post, então acho interessante vê-las novamente: Concessionária Ford Guido Cé em Encantado-RS .

Na primeira foto, a data é 1937 -embora o automóvel Ford que ali aparece seja um 1936 junto a outros chassis utilitários para a construção de woodies.
Na segunda foto e abaixo, já imagino que seja no fim da década de quarenta. Interessante as mudanças ocorridas, desenvolveu bastante.
Na foto abaixo, vemos alguns fugãozinhos, serão Prefect?
Na foto acima, o Ford 1951 encostado á calçada já sugere uma noção da provável data. Interessante ver que o prédio vizinho à agência Guido Cé foi demolida e está apenas o terreno vazio. Já na imagem abaixo, o lote está novamente ocupado, por uma construção mais "moderna".
Destaque total para o Studebaker Commander 1952! Esse carro está com alguns acessórios de época mais uma enorme placa "BR Touring" instalada no capô traseiro -interessante. -Ah, e a peruinha aparece novamente, junto a um Ford cupê 1955/56.


Como já é sabido, naquela época os automóveis zero quilômetro chegavam até as agências não por cegonhas, mas sim rodando! Com a precariedade das estradas, a longa distância percorrida e mais muitas variáveis possíveis, os acidentes podiam acontecer. E aconteciam! Como no caso do Ford 1940, pendurado em uma ribanceira. Esse Ford já está emplacado e possui uma plaquinha com uma "cruz vermelha" ao lado do farol de milha, seria o que?


Na foto abaixo, ferramentaria da Agência.



Nas duas fotos acima, parte de oficina da Agência Guido Cé. Me parece que serviços de marcenaria também eram realizados ali.


Essas fotos são uma viagem ao tempo e nos trazem uma incrível riquezas de detalhes.


Abaixo, mais um acidentado no percurso Porto->Concessionária.


Prejuízo de um carro "do ano". E vejam, o Ford 41 acidentado está com gasogênio!


Nas duas acima, mais outro acidentado, dessa vez um Ford 1942.


Abaixo, o lindo cenário do show-room com dois Ford 1946.


Ainda que o automóvel estivesse pegando carona em um caminhão (também OKm), os acidentes não eram impossíveis, daí, iam caminhão e automóvel estrada a baixo, como na dupla de 1946 das duas imagens acima.


Já nessa última foto, o caminhão Ford 1946 aparece em apuros e carregado com uma carga de madeira. Talvez fosse madeira para a construção das woodies e jardineiras? pode ser.


Zonta, mais uma vez obrigado pelo envio dessas fotos, são fantásticas e contam muito da nossa história automotiva no Brasil.


guilhermedicin@hotmail.com

9 comentários:

  1. Congratulações ao Sr Navarro e principalmente à familia do Sr. Hamilcar Cé por conservar e preservar estas maravilhosas fotos, documento da evolução da Concessionária através de anos difíceis e pioneiros, de registros visuais bastante escassos e pouco divulgados. E claro, a você que tem nos presenteado com o acesso a estes registros históricos. Sua descrição precisa e a análise das fotos, nítidas em seus detalhes, me levaram a uma viagem no tempo. Parabéns!
    Irapuã

    ResponderExcluir
  2. Lindas fotos Guilherme! A placa com uma cruz vermelha acredito que identificasse um médico ao volante, penso que comum na época.Vc deve saber melhor que eu.

    Abs

    Rui

    ResponderExcluir
  3. Na 3ª foto aparecem 4 Fords europeus. O 1º e último são Taunus G473C, fabricados em Colônia de 48 a 52. O 2º veículo é um furgão Anglia, modelo E04C (39-48) ou E494C (48-54) de Dagenham - Inglaterra. E o 3º auto é um Anglia ou Prefect britânico, tambem de 48-52. A cruzinha de médico já foi identificada acima. E, realmente, a série de imagens é um verdadeiro estudo da evolução de Encantado ao longo de 20 anos: ruas de terra, poucas casas, matagal, cavalos no poste em 37; depois, novas construções, pavimentação com paralelepípedos, canteiros com arvoredo nos anos 50. AGB

    ResponderExcluir
  4. O NH Zonta, também confirma que a cruz vermelha indicava carro de médico, mais um grande detalhe. Se um dia eu tiver algum Ford anos 30/40, coloco uma dessas nele.

    AGB, grato pela difícil identificação. Esses pequeninos europeus são bastante raros no Brasil atualmente.

    O Zonta me informou também que o antigo prédio demolido havia sido comprado pela Agência, e que o novo prédio serviu para expandir o show-room da concessionária e interligá-la ao posto de combustíveis e lubrificação Atlantic, na outra esquina. Dessa forma, a "Guido Cé" ocupava mais de 90% do quarteirão!

    No caso do Ford 1946 que se acidentou junto ao caminhão, adquiriu-se uma nova carroceria e o carro ficou para uso do próprio Jordano Cé.

    Abraços,

    ResponderExcluir
  5. Bela aula e belíssimas fotos!

    Marcelo.

    ResponderExcluir
  6. O Ford 40 acavalado no barranco usa placa preta P 5-20-70 de antes da II Guerra ou seja era automóvel particular. Parece-me que essa numeração pertencia a Caxias do Sul. Por outro lado, um V8 despertava os piores instintos nos motoristas da época; AGB

    ResponderExcluir
  7. Guilherme, vai devagar que são muitas fotos e informações para meu 386 processar. Lindas as fotos, preciosas, puro fotojornalismo através das décadas. Por que nõa enviar isso para o HF Heritage? Eles irão arquivar isso lá, com certeza!

    ResponderExcluir
  8. O Stude Comander parece ser um taxi, pelas placas vermelhas.
    Na mesma foto, tem tambem um Chevrolet 52, estacionado à frente de um caminhão.
    Lindas fotos dos maravilhosos anos 50.
    Romeu.

    ResponderExcluir
  9. Alguém pode me dar uma idéia de preço de um Ford Taunus 1951?
    Rui

    ResponderExcluir