terça-feira, 23 de novembro de 2010

Fábrica DKW - Vemag 1956 à 1967 : Universal F-91 , Fissore , Belcar & Vemaguet ...

Mais preciosas imagens para a cultura automotiva brasileira.
São fotos dos bastidores da Vemag enviadas pelo Ricardo Prado Santos, do arquivo pessoal de seu pai -Antônio de Pádua- que trabalhou como gerente geral da produção de 1956 até 1967, datas que coincidem com o início e o fim das atividades da Vemag na fabricação de automóveis.

Acima, rara imagem do primeiro (ou 'um dos' primeiríssimos) veículo fabricado pela Vemag em 1956, é a também rara perua DKW Universal F-91.

Abaixo, também um dos primeiros DKW-Vemag Fissore, ainda em fase de teste pela fábrica.
Acima, "vista explodida" do DKW-Vemag Fissore em exposição no Salão do Automóvel de São Paulo-SP. Esse carro de exposição seria um interessante bibelô de se ter em coleção atualmente, mas, certamente foi desmontado nos dias seguintes ao evento...

Abaixo, o Sr. Antônio de Pádua no coquetel de lançamento do Fissore para 1966. Linha de produção dos Fissore.

Abaixo, fim de linha para os DKW-Vemag em 1967. Segundo o Ricardo Prado, essas são as duas últimas unidades produzidas: um Belcar e uma Vemaguet, que "apagaram as luzes" da fábrica DKW-Vemag, cuja a planta é mostrada na última foto. Incríveis fotos do arquivo pessoal de um funcionário DKW-Vemag!

guilhermedicin@hotmail.com

13 comentários:

  1. Guilherme! Vale lembrar, que este DKW-Fissore em vista explodida como você disse era branco com o interno vermelho.

    http://showroomimagensdopassado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Guilherme, ver a foto da Universal ao acessar seu blog - coisa que faço todo dia - foi realmente emocionante. Possuo uma 1956 e as imagens de época são raras, e a divulgada hoje é inédita e tirou algumas dúvidas minhas quanto a itens originais! EXTREMAMENTE GRATO.

    ResponderExcluir
  3. Novamente sem palavras.PQP


    Marcelo.

    ResponderExcluir
  4. Por onde será que anda esses dois últimos DKW 67 ???
    Seria bem interesssante traçar a rota deles...
    Além de tudo isso, fotos maravilhosas, meus parabéns mais uma vez, Guilherme !!!

    ResponderExcluir
  5. Gui! Sem palavras... Como falaste, são imagens preciosas, realmente.
    Por onde andarão os dois últimos DKWs? Quem sabe?

    Seria bom se o Prof. Chico mandasse fotos da Universal 56, pra delícia de todos...

    ResponderExcluir
  6. Prof. Chico, por favor me envie fotos da sua Universal.

    ResponderExcluir
  7. Guilherme, que viagem no tempo! O Sr Padua deve ter sentido muito orgulho em ter feito parte de toda a historia da Vemag. Parabéns e continue nos brindando com estas fotos maravilhosas. Abraços

    ResponderExcluir
  8. Muito bacana a gentileza do Ricardo em compartilhar essa história e fotos tão interessantes.

    ResponderExcluir
  9. Olá Gui.
    É lamentável que este prédio hoje se encontra em petição de miséria, só ruinas, igual a muitos outros que foram o berço da industria nacional e nesta os americanos estão bem, pois muitos dos prédios históricos de lá viraram patrimonio e museu, como aconteceu com o primeiro galpão do Mr. Henry Ford...Mas ainda somos apenas um pais de terceiro mundo e muitos governantes e empresários mesmo estrangeiros não valorizam nossa história, pois está provado que vieram aqui sómente para ganhar muito dinheiro atrás do lucro facil, e o rastro de destruição cultural e ambiental pouco importa, afinal eles não nasceram aqui e não vão deixar este país para suas futuras gerações que são seus filhos...
    Dario Faria

    ResponderExcluir
  10. AGRADEÇO A FELICIDADE DE TER CONHEÇIDO OS CARROS DA AUTO UNION EM SÃO LUIS DO MARANHÃO QUE NO MEU PONTO DE VISTA FORÃO MUITO AVAÇADOS PARA A SUA ÉPOCA .......
    ANTONIO ROBERTO MELO TORRES.....

    ResponderExcluir
  11. estamos na posse de uma caminhoneta dkv 1961 procuramos mas sem sucesso saber o modelo que e da mesma a cabine fechada com portas e vidros manuais parece de um candango, carroceria de madeira motor 3 cc 2 tempo original de dkv alguem poderia me informar a historia deste vemag ; padilha-queiroz@hotmail.com obrigado marcos

    ResponderExcluir
  12. Quando vou para o Central Plaza e passo na Estação Tamanduateí é triste ver as ruínas da Vemag e mais triste ainda é que muitas pessoas que passam por lá sequer sabem o que é DKW e nunca viram o carro de perto.

    ResponderExcluir
  13. parabens pelas fotos

    ResponderExcluir