segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Isotta-Fraschini Phaeton-Cabriolé ...

Essa Isotta Fraschini passeava pelas ruas de São Paulo no início dos anos setenta.

Já tinha seu valor reconhecido, depois de ter sido salva de um ferro-velho durante os anos cinquenta. É a primeira safra dos colecionáveis no Brasil.

Hoje esse carro está em uma primorosa coleção na capital mineira.

É esse o famoso "Isotta de Gabriela Lage"...

6 comentários:

  1. Salvo um grande engano essa jóia está descendo a Rua Augusta.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  2. O que eu gostei mesmo foi do Chevrolet Fleetmaster 47 escondido atrás da Isotta...

    ResponderExcluir
  3. Esse carro pertenceu ao colecionador paulista Walter Lapietra até 2001/2002 que o vendeu para o colecionador mineiro conhecido como "Tão", que possui outras Isottas.
    Quando ainda de propriedade de Walter, foi exposto em 2001 na última exposição em São Lourenço, MG, e recebeu o prêmio máximo da FIVA, mesmmo com o fato de Walter ter esquecido em São Paulo a bela águia de cristal Lalique que orna o topo do radiador.

    ResponderExcluir
  4. Edimilson ,Campo Grande Ms.Em 1973 fui para são paulo e trabalhei com dr Otavio,um senhor medico veterinario e ele era proprietario desse carro isota que esta nessa pagina e essa foto ele me deu uma foto grande.tambem tenho uma foto com o Roberto Carlos.mas essa foto com o Roberto esta em Assis com uma ex namorada.ele fes o translado da rainha Elizabete quando veio ao brasil.tambem como medico da marinha dr otavio quando fazia casamento ele se vestia com o uniforme e ficava muito elegante.um dia eu reboquei o isota de um carro cegonha que estava em exposiçao no rio de janeiro.nessa epoca a residencia do dr otavio era na estrada das lagrimas no bairro do ipiranga.ele tinha uma oficina exclusiva para o tratamento do ISOTA.se alguem puder me mandar o fone ou email da pessoa proprietario eu agradeço 067-3042-4050.obrigado Edimilson.

    ResponderExcluir
  5. Prezado Guilherme,
    Talvez meus comentarios possam enriquecer sua colocação.
    Nao sei se falamos do mesmo carro e do mesmo dono, o Dr. Octavio.
    Nos anos sessenta, eu o conhecia, vizinho de bairro - moravamos no Brooklin Paulista (SP) e ele na Rua Barão do Triunfo, numa casa antiga, com um jardim na frente, um corredor e lá no fundo uma garagem onde ele guardava o seu Isotta Fraschini. Muito gentil, educado, papo gostoso ele me contava historias desse carro. Me parece que ele adquiriu o carro de um piloto que fez a primeira travessia Brasil - Europa e ganhou o carro de presente do governo italiano. Dr. Octavio cuidava pessoalmente dele e me recordo dele me mostrando um rolamento novo que disse que iria trocar em uma das rodas do carro. Me mudei de bairro nos meados dos anos 70 e o Dr Octavio ainda morava lá. Hoje nada mais existe nessa rua e não sei onde foi parar o carro dele. Sei que ele faleceu. Abraços. Marcos Valente Junior.

    ResponderExcluir
  6. Olá Marcos, sim é o mesmo carro. Me mande um e-m.

    Abraço,

    ResponderExcluir