terça-feira, 9 de outubro de 2012

Museu do Gálaxie ...


Fotos enviadas pelo Alfonso Carlos de Oliveira, retratando o extinto "Museu do Gálaxie".
Estas imagens são creditadas ao Enio Brandenburg e foram feitas entre 1990 e 1996.

Estas fotos também já ilustraram diversos outros sites e blogs relembrando este mítico Museu, mas são tão bonitas, que sempre vale a pena revê-las!

O "Museu do Gálaxie" ficava na cidade de Novo Hamburgo -RS e fora fundado em 1988 por Arno Henrique Berwanger. O Sr. Arno era proprietário da concessionária Ford na cidade, a "Novocar" que, conta-se, chegou a representar 8% das vendas de Gálaxie.

Mantendo um grande apreço pelos modelos Ford Gálaxie, LTD e Landau, o Sr. Arno saiu em busca de exemplares para compor seu Museu, situado num prédio anexo à concessionária. Encontrou veículos imaculados e de baixa quilometragem, a maioria que ele próprio havia vendido. Dessa forma, chegou a reunir 22 veículos, entre eles, oito Gálaxies do primeiro ano: 1967, um de cada cor disponível naquele lançamento. Um Landau Presidencial, que fora utilizado pelo Governo Federal; o último Landau 1983, que manteve em exposição e 0Km.

Abaixo, o fundador do Museu do Gálaxie junto ao Landau Presidencial.
Tapete vermelho para Gálaxies, LTDs e Landaus nunca restaurados.
Acima, junto a uma "série especial" do Landau, em comemoração aos 60 anos da Ford no Brasil, em 1979.

Abaixo, Landau Série Prata 1976.
Acima, um chassis com mecânica de um Gálaxie 1967 em exposição.
Acima, o último Ford Landau produzido em 1983 e mantido 0Km no "Museu do Gálaxie".
O Museu era lindo e as fotos comprovam.
O Sr. Arno faleceu na segunda metade da década de 90 e o Museu foi desfeito. Atualmente os carros encontram-se preservados com diversos colecionadores espalhado por todo o País, fazendo e lembrando a história do modelo e deste Museu.
Mas a verdade é que, nenhum outro colecionador, concessionário, nem mesmo a própria fábrica, ainda foi capaz de montar um Museu para os Gálaxie como o que o Sr. Arno Berwanger fez.
Informações: Blog Showrromimagensdopassado.
guilhermedicin@hotmail.com

11 comentários:

  1. Estive uma vez nesse museu, era incrível !!! Pena não ter ido outras vezes.

    ResponderExcluir
  2. Foi em um exemplar da revista "Oficina Mecânica" que, lá por 95, li pela primeira vez sobre tal acervo. Infelizmente é mais um exemplo de acervo nacional desmembrado. Por que será que em nosso país tudo parece confabular contra iniciativas desse tipo, hein? Museu da ULBRA, Museu do Galaxie, o "Museu do Nasser", Roberto Lee, todos, por diferentes motivos, tiveram problemas sérios. Sem contar naqueles que nem saíram do papel, como o da GM...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Eu ainda tenho esse exemplar da revista. Comprei quando ainda era moleque. As fotos são dessa revista, excetuando-se a quinta foto de baixo para cima. E esse Landau 0 km, era movido à àlcool pelo que eu me lembro.

      Humberto "Jaspion"

      Excluir
  3. Tenho até hoje um recorte da Zero Hora sobre o Museu. Quando fui conhecê-lo o seu Arno já havia falecido, mas fomos bem recebidos pelos funcionários da Novocar que nos abriu o galpão do outro lado da rua para mostrar o acervo. Eu ainda era piá, e fiquei emocionado ao sentar no Landau 0Km!!!
    Apenas a cera de fábrica tinha sido removida, os bancos ainda tinham o plástico.
    Uma pena mesmo o acervo não estar mais reunido, mas boa parte está em boas mãos com o pessoal dos Amigos do Galaxie.

    ResponderExcluir
  4. Parece que era a álcool sim Humberto. Queria saber o paradeiro dele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Justino, está em Curitiba, com um grande amigo nosso, dono da concessionária Ford Slaviero.

      Excluir
  5. Felizes vocês que conheceram o Museu. Eu sou o tipo atrasado, sempre deixando pra depois, por isso só conheci os referidos museus pelo seu obituário.
    Desejo o oposto desta sorte ao Museu do Dodge, o qual pretendo ir visitar assim que se firmarem as datas e horários..
    Lindas as fotos, Guilherme, Sempre necessárias, como sempre é um tanto de indignação para se continuar vivo.

    ResponderExcluir
  6. Lembrando que local onde as fotos foram tiradas também foi demolido há alguns meses atrás, vai virar um conjunto de prédios.
    E também da triste notícia do falecimento do filho de Seu Arno, Alberto Germano Berwanger, mais conhecido no meio como "Betinho", que foi gerente de vendas e negócios da Novocar por muitos anos, ocorrido no final de Agosto.
    Ambos estão fazendo rondas no andar de cima com seus Galaxies.

    ResponderExcluir
  7. MELDELS!!!!!! Quem disse q esse auto era 1983??? Quem??? Quanto mais o último!!! Como as pessoas falam besteira de orelhada. Este Landau do Sr Arno, foi sim, mantido zero quilometro até a sua morte era 1982/1983, mas foi fabricado exatamente no dia 29/11/1982 conforme a plaqueta do mesmo e q possuo a foto aqui nos meus arquivos.
    Apesar do dono ser de Curitiba, ele NÃO é o cara da Slaviero. Por isso, amigos, antes de postar qqr informação deste quilate melhor ter 100% de certeza para não fazer o contrário de que se queria ou seja DESINFORMAR e criar confusão na cabeça dos Galaxeiros. Abraço a todos.
    Dino Dragone

    ResponderExcluir
  8. Mas então onde está o último Landau?

    ResponderExcluir
  9. Possuo um landau , ano de fabricação/modelo 1983 com o número de chassis la6dbc-45169. Gostaria de saber se esse landau foi um dos últimos na linha de montagem a serem produzidos? Obg!

    ResponderExcluir